Destaques
....Em atualização

Zé Pedro dá empate nos descontos

Sofrer a bom sofrer. Este foi a tónica especialmente na segunda metade num encontro que marca a estreia do novo técnico ao serviço do Leixões. 
Ainda sem ir ao banco, Jorge Casquilha delegou em Manuel Monteiro a tarefa de dirigir a equipa a partir do banco de suplentes e viu o Atlético adiantar-se no marcador aos 6' com João Mário a fugir pela esquerda e a aparecer em frente de Chastre e a colocar os visitantes em vantagem. 
O Leixões respondeu aos 17' através de Moreira depois de um cruzamento de Oto'o que sai, no entanto, ao lado.
O empate viria a surgir perto da meia hora de jogo (28') quando Moreira, de cabeça, viria a fazer o primeiro para os leixonenses após um excelente cruzamento de Huguinho a partir da esquerda.
Sem um jogo muito entusiasmado até ao intervalo, o encontro foi para descanso empatado num resultado que se ajustava ao que as formações tinham feito até aí.
Logo no início da segunda metade, Chastre foi obrigado a intervir após um remate colocado de Diego Lima. O mesmo se aplicaria aos 66' com Mika a aplicar-se após um livre direto de Cadinha.
Aos 67' o Leixões poderia ter-se colocado em vantagem e aproveitado a superioridade numérica em sequência da expulsão de Fábio Marinheiro. Mica adivinhou o lance de Moreira e defendeu a bola que Rui Coentrão, na recarga, não conseguiu melhor do que enviar a bola por cima da baliza.
Aos 71', Mika viria estar novamente em destaque: primeiro defende remate de Van Zeller (viria a ser expulso aos e depois remate de Hugo Guedes. Aos 80' uma grande penalidade contestada pelos jogadores do Leixões: em grande confusão na área, Tiago Lenho terá metido mão na bola e Hugo Pina, não despediça de colocar o Atlético em vantagem. Atlético que viria a ampliar a vantagem por Rui Varela aos 84'.
Aos 87' Moreira é derrubado na área por Hugo Carreira (vê segundo amarelo e Atlético passa a jogar com 9), e Cadinha não falha a marcação da grande penalidade dando alguma esperança num resultado em que a derrota poderia não ser o resultado final.
De livre, Zé Pedro empatou a partida num monumental livre! O defesa leixonense a mostrar que também sabe marcar num encontro em que foram mostrados 9 cartões amarelos e 3 cartões vermelhos.
No próximo domingo voltamos a jogar em casa recebendo o CD Aves. Um jogo marcado para domingo às 16h00.

Estádio do Mar, Matosinhos 
Árbitro: Rui Piteira Rodrigues (AF Lisboa) 

Leixões SC: Chastre, Zé Pedro, Huguinho, Hugo Guedes (Ruben Saldanha, 80'), Moreira, Cadinha, Materazzi, Talles (Rui Coentrão, 13'), Tiago Lenho, Pedras (Van Zeller, 61') e Oto'o. 

Disciplina: Cartão amarelo a Huguinho aos 15', Tiago Lenho aos 79', Zé Pedro aos 81'. Cartão vermelho direto a Van Zeller aos 77'.

Conferência de Imprensa
"Foi um empate arrancado à Leixões! Quem está a perder aos 81' e consegue empatar o jogo mostra uma equipa com atitude e com uma raça enorme. Foi um jogo em que há um momento crucial do jogo - o penálti falhado por Moreira - poderíamos dar a volta ao jogo. Claramente que com mais dois ou três minutos chegaríamos à vitória. Foi uma semana em que com a mudança de treinador, acabou por ser boa. Tudo fizemos para vencer. Não comento arbitragens."
Manuel Monteiro, treinador adjunto
Partilha no Google +

About Hugo M Alves

---.
    Blogger Comment
    Facebook Comment