Destaques
....Em atualização

Leixões segue em frente na Taça de Portugal

O Leixões segue para a 3.ª eliminatória da Taça de Portugal. A equipa de Horácio Gonçalves venceu o derby matosinhense entre Leixões e Leça FC. 
E os adeptos do Leixões começaram a festejar muito cedo. Pedras, aos 5', de grande penalidade abriu o marcador depois de uma mão na bola do leceiro César. Vasco Santos, o árbitro nomeado para este encontro, não teve dúvidas e rapidamente assinalou a marcação do pontapé de grande penalidade. O avançado leixonense não falhou ao colocar a bola no lado oposto para onde se havia atirado Castro, o guardião dos visitantes. 
Depois de uma meia hora com muitas paragens por lesões sofridas quer de um quer de outro lado, o Leixões viria a ficar reduzido a 10 unidades em campo por expulsão de Gonçalo com um vermelho directo. Ainda antes dos 40 minutos, Tsoumagkas num cruzamento bem tirado falha por pouco o alvo da cabeça de Pedras que daria para ampliar a vantagem diante da equipa da III Divisão. 
Aos 43' minutos o Leça também fica reduzido a 10 unidades depois de João Dias aos 44' ter visto o segundo amarelo após falta sobre Tiago Borges. Zé Pedro teve nos pés o segundo golo mas uma intervenção de Castro adiou o golo que viria a surgir por Kizito já na segunda metade. 
O avançado estreia-se da melhor forma com um golo a aparecer depois de a bola ter batido no poste da baliza do Leça. Poucos minutos depois o Leixões voltou a ampliar a vantagem para 3-0 com Pedras a cabecear certeiro após um cruzamento de Patrão. O avançado não falhou e já leva 5 golos em provas oficiais. 
Aos 60', na jogada anterior à sua substituição, o médio Luís Silva numa iniciativa individual enviou a bola a passar poucos centímetros do poste direito da baliza do topo sul.
Aos 75' o Leça ainda reduziu pelo Pedras junior. O avançado do Leça (sobrinho do jogador do Leixões) numa jogada de contra-ataque conseguiu colocar os adeptos do Leça a festejar ele que antes teve outra ocasião para marcar e falhou levando a uma reprimenda do tio. 
Zé Pedro, de livre directo, conseguiu redimir-se da grande penalidade falhada. O capitão neste jogo do Leixões apontou um grande golo fechando a contagem. 

Estádio do Mar, Matosinhos
Árbitro: Vasco Santos (Porto). 

Leixões: Matos, Gonçalo Graça, Júnior Pereira, Zé Pedro, Tsoumagkas, Moedas, Tiago Borges, Luís Silva (Fábio Santos, 61), Kizito, Patrão (Sequeira, 63) e Pedras (Mailo, 58).
Treinador: Horácio Gonçalves. 

Disciplina: 
  • cartão amarelo para Luís Silva aos 24'
  • cartão vermelho para Gonçalo Graça aos 33'
Partilha no Google +

About Hugo M Alves

---.
    Blogger Comment
    Facebook Comment