Destaques
....Em atualização

Valente na antevisão ao jogo com União


Melhor marcador da equipa, Valente foi o escolhido esta semana para fazer a antevisão do jogo que marca a despedida do Estádio do Mar neste ano de 2014. 
Ao site oficial, o avançado mostra-se confiante no seu percurso individual mas não descura o facto de a equipa não estar a atravessar um bom momento.

Está a atravessar um bom momento em termos individuais e a jogar numa posição a que não estava habituado. Esperava uma época tão boa? 
Valente – Na verdade, sinto-me muito bem. Estou a evoluir bastante, a tentar desempenhar as funções de ponta de lança. Tenho gostado bastante de atuar nesse lugar e tenho-me sentido à vontade, até porque nunca tinha jogado nessa posição. Mas estou a gostar muito de jogar na posição em que tenho jogado. 
Estar mais perto da baliza despertou a sua veia goleadora? A época passada marcou apenas um golo. 
Não sei se continuasse a jogar mais como extremo não faria tantos golos na mesma. A sério que não sei. Acho que a diferença está no facto de estar mais confiante. Sinto-me bem no Leixões, é um clube bom para qualquer jogador e, felizmente, as coisas estão-me a correr bem. Não contava ter tantos golos marcados, mas tenho aproveitado as ocasiões. É pena é que esses golos não estejam a ser decisivos para o Leixões ganhar. Ainda a semana passada, marquei ao Porto B e de nada valeu. O objetivo de qualquer jogador é sempre ajudar a sua equipa a vencer. É uma frase feita mas o coletivo tem de estar sempre acima do individual. Ninguém consegue nada sozinho. É por isso que digo que o meu bom momento deve-se também ao bom trabalho dos meus colegas. Sem eles não tinha feito 10 golos. 
As suas exibições têm sido amplamente elogiadas pela crítica. Tanto que lidera a classificação de Melhor Jogador do campeonato segundo as pontuações atribuídas nos jogos pelos jornalistas do diário desportivo Record. O que tem a dizer sobre isto? 
É muito bom ver reconhecido o nosso trabalho e é uma prova de que tenho sido regular ao longo da época. Raramente me dão notas negativas, mesmo quando não marco, por isso é que estou lá em cima. Os elogios são sempre bem-vindos e dão sempre motivação para trabalhar mais, mas quero que esses elogios se estendam a toda a equipa do Leixões. Estamos a trabalhar para isso e completamente concentrados no próximo jogo. Um jogo que queremos muito vencer. 
Esse jogo (domingo, 15h, no Estádio do Mar) é com o União de Madeira. Como o perspetiva? 
Vai ser um jogo muito complicado, mas que queremos levar de vencida. O adversário é forte, é candidato à subida e vem de uma boa série de resultados, mas nós vamos dar tudo o que temos para regressar aos resultados positivos. Em casa temos sido muito fortes, exceção feita ao jogo com Porto B que perdemos injustamente, e, no domingo, o triunfo tem de ser do Leixões. Queremos fechar o ano com uma vitória em casa. Esse é o nosso único objetivo para o jogo com o União. 
Sim, porque este é o último jogo do Leixões no Estádio do Mar de 2014. Depois vamos a Faro e a receção ao Oriental só acontece no primeiro fim-de-semana de Janeiro… 
O triunfo de domingo é a prenda de Natal que queremos oferecer aos sócios. Aproveito esta oportunidade para desejar umas Festas muito felizes aos muitos sócios e adeptos do Leixões e pedir-lhes que venham ao Estádio do Mar apoiar a nossa equipa. Os bilhetes têm tido preços muito acessíveis e os jogadores sentem-me muito melhor com o apoio do público nas bancadas.
Partilha no Google +

About Hugo M Alves

---.
    Blogger Comment
    Facebook Comment