Destaques
....Em atualização

Assembleia Geral fecha com regresso de associados a manterem o mesmo número

Foi longa a Assembleia-geral extraordinária do Leixões que se realizou esta noite na sede do clube e que contou com a presença de cerca de uma centena de associados. Uma assembleia onde estavam cinco pontos em discussão (ver AQUI).
Ainda antes dos pontos que estavam na ordem de trabalhos, esta AG começou com um voto de pesar para com o Sr. Manuel Carvalho fortalecido com uma salva de palmas de todos os presentes e com uma proposta aprovada por unanimidade de as instalações do clube poderem vir a ter um espaço com o nome do antigo sócio e dirigente do clube (era o actual presidente da mesa da AG da SAD) assim como o reconhecimento para com Carlos Oliveira, Sílvia Carvalho, Fernando Rocha e Rui Costa no que respeita à situação da condenação em tribunal dos accionistas da SAD:
No primeiro ponto (O Leixões Sport Club e a Leixões Sport Club - Futebol, SAD), Carlos Oliveira, enquanto membro da direcção do clube voltou a frisar aquilo que já tem vindo a referir no que respeita às dificuldades pelas quais o clube passa muito por causa do difícil financiamento.
Quanto ao segundo ponto (Perspectivas de futuro para o Leixões Sport Club) limitou-se à apresentação por parte de associados dos quais se destaca a abertura de um fundo de maneio  pago pelos associados para o clube poder face às despesas correntes.
Os pontos 3 e 4 (quotas e sua problemática e bilhete de jogo (suplementar)) foram discutidos em igual posição. Com duas propostas em cima da mesa (A) diminuição da quotização e criação de novas categorias de sócio e B) manutenção do valor actual de quotas) foi aprovada a segunda hipótese que leva a que tudo se mantenha como está até agora (37 votos a favor contra 29 da proposta A) e 19 abstenções) numa votação que gerou muita polémica. 
Aprovada a proposta B da manutenção da quotização tal como está, de referir que foi ainda à votação a possibilidade de sócios com 1 ou mais anos de quotas em atraso poderem voltar ao clube mantendo o n.º de sócio mas com pagamento de 6 meses no momento que foi aprovada com 36 votos a favor, 8 contra e 2 abstenções. Esta é, no entanto, uma questão que não está totalmente fechada uma vez que terá que haver confirmação por parte dos serviços de secretaria sobre a possibilidade de se recuperar o n.º de sócio.
Para finalizar de referir que na mesa estiveram o Eng. Luís Machado, Carlos Oliveira, Adelino Gomes, Dr. Varandas Marques, Mário Santos, Artur Ribeiro, Dr. Ferreira Alves, Célia Rodrigues e o Dr. Gil da Costa. Quanto ao presidente do clube, por motivos impeditivos de última hora não pode estar presente neste momento do clube.
Partilha no Google +

About Hugo M Alves

---.
    Blogger Comment
    Facebook Comment